Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Fino Recorte

Havia uma frase catita mas que, por razões de força maior, não pôde comparecer. Faz de conta que isto é um blog de comédia.

Fino Recorte

Havia uma frase catita mas que, por razões de força maior, não pôde comparecer. Faz de conta que isto é um blog de comédia.


Roberto Gamito

26.11.21

Bateu sete vezes no chapéu como quem realiza um ritual de exorcismo para escorraçar os ácaros, fitou-o até ao domínio do átomo e voltou a pô-lo na cabeça. Ao aproximar-se de um vulto, desabotoou a braguilha e segredou-lhe: “há que dar valor às pequenas coisas da vida”.

— Não estou para aí virado, ontem comecei a dieta do celibatário e não vou quebrá-la por tua causa.
— Deixa-te de conversas e ajuda-me a descalçar a bota.
— É uma bota que volta e meia regressa ao pé. O tesão é uma bota crónica, não te consigo ajudar.
— Um dia de cada vez.
— Mas por que motivo queres o tesão solucionado?
— Isto é demais para um homem só.
— Deixa-me dar uma vista de olhos. Ora alcança-me aí um microscópio.
— O que estás para aí a dizer? O meu bicho pertence ao domínio do visível.
— Duvido. Em bom rigor, o teu pénis pertence ao mundo do muito pequeno. Cientificamente falando, a mecânica clássica que tanto desejas é insuficiente para tratar correctamente esse tesão. Só lá vai com mecânica quântica.
— Há uma certa probabilidade desse cenário ser real. Aproxima-te de mim com ganas, vamos ensaiar a felicidade.
— Ensaios não é comigo, tenho traumas com teatros. Além disso seria necessário arranjares um subsídio para ir para a cama contigo.
— Não és capaz de ir para a cama comigo em nome da arte?
— Em nome da arte? Não, posso ser mal interpretado.
— Vamos calar-nos um bocadinho, pode ser que o silêncio gere uma atmosfera sedutora.
— Não te quero desanimar, mas…
— És a minha única esperança.
— Caraças, estás mesmo desesperado. Até me sinto mal negar-te o desfecho desejado.
— Queres dizer-me alguma coisa?
— Não insistas, não sejas teimoso, já disse que não.
— E se nos enforcássemos?
— Assim ficávamos ambos com tesão.
— Por isso mesmo.
— Caraças, tens solução para tudo.

E se nos enforcássemos?

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

subscrever feeds

Sigam-me

Partilhem o blog