Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Fino Recorte

Havia uma frase catita mas que, por razões de força maior, não pôde comparecer. Faz de conta que isto é um blog de comédia.

Fino Recorte

Havia uma frase catita mas que, por razões de força maior, não pôde comparecer. Faz de conta que isto é um blog de comédia.


Roberto Gamito

06.01.22

Da falsidade à traição vai um passo, pelo que nunca me vão apanhar a dançar. Posteriormente, o seu caso difunde-se e a dança extingue-se. Os traidores passaram um mau bocado.
Desconfiado, vestiu um fato de salsicha gigante. Assim disfarçado, julgara fugir à morte. A literatura não fornece pistas sólidas para responder a esta nova vida de salsicha nómada — cogita o nosso personagem —, sou um inaugurador. A salsicha é boa companheira e não me vai atraiçoar, pensava.

Havia dias bons e dias maus. Quando deu conta, tornara-se amigo de todas as ninfomaníacas da vila, tirando dividendos impalpáveis desses novos laços infernais. Do outro lado, passava por um mau bocado sempre que se cruzava com cães e alemães. Houve um dia em que passou a tarde a correr à beira-mar, em Albufeira, à frente de um grupo de alemães famintos. Ia acabando em tragédia. Felizmente, um bar nas redondezas anunciou a happy hour, que é como quem diz, cerveja barata, e os predadores louros debandaram.

A salsicha, forma fálica por excelência, ajudara-o a criar ligações mas também a criar tensões. A título de exemplo, o nosso personagem, que antes era um homem muito religioso, fora impedido de entrar em igrejas. Segundo os padres, dava mau aspecto e não conseguia levar a cabo a missa com cachos de beatas babosas. Não estou à altura de doutrinar salsichas, continuava o pastor.

As mulheres padeciam de sonhos húmidos com a nossa salsicha, digo, com a salsicha ambulante. Com efeito, a nossa salsicha transformou-se num detector de humidade. Os piropos eram tantos que começou a ponderar abandonar o fato. A expressão “és um pão” desapareceu e deu lugar à “és uma salsicha”. A contribuição para a história do vocabulário do engate foi inegável.

Todavia essa vida prenhe de tensões atormentava-o. Há muito que não se via ao espelho como um homem.
Tornou-se uma salsicha depressiva, sem qualquer frescura. Pensava tão profundamente sobre a sua vida que não dera conta que deambulava pelas ruas com uma chusma cães vadios agarrados ao fato. Eis a vida do Homem Salsicha.

Homem salsicha

 

Mais sobre mim

foto do autor

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2019
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  1. 2016
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Sigam-me

Partilhem o blog